Month: September 2012

Chip processamento paralelo

A empresa Adapteva lançou uma campanha no Kickstarter com o objetivo de criar uma placa de desenvolvolvimento por $99 com seu processador ARM Cortex-A9 dual core e com mais 16 núcleos de 1GHz para computação paralela. Caso o projeto alcance $3M, todas as pessoas que doaram $199 ou mais receberão um placa com o processador de 64 núcleos.

Mais informações:

http://www.kickstarter.com/projects/adapteva/parallella-a-supercomputer-for-everyone?ref=live

http://www.parallella.org/2012/09/27/parallella-a-supercomputer-for-everyone/

Segundo o fundador da empresa, Andreas Olofsson, todos os datasheets, manuais de programação e ferramentas de desenvolvimento serão liberados como Open Source.

Como conectar na rede WiFi autenticada com WPA

Esta dica serve para conectar na rede WiFi, funciona mesmo se ela utilizar autenticação WPA/WPA2:

wpa_passphrase nomeseuwifi suasenha > /etc/wpa_supplicant.conf
wpa_supplicant -i wlan0 -c /etc/wpa_supplicant.conf -D wext &
sleep 2
dhclient wlan0

Obrigado ao Vinicius Tinti pelo script com esta dica.

Converting Nuance samples PCM audio to wav

The Nuance VoCon 3200 come with sample audio used for batch_fl application voice recognition benchmark.

These are the pcm files:
111.pcm
1422277.pcm
15321.pcm
2260770.pcm
2279180.pcm
adrian_richards.pcm
amanda_virley.pcm
becky_owen.pcm
gillian_kane.pcm
penelope_whitehead.pcm

You can convert this file to wav using sox:

$ sox -t raw -b 16 -e signed-integer -r 16000 111.pcm stream.wav

You can play it this way:

$ mplay stream.wav

Construindo um aplicadora de revestimento fotossensivel em placas PCB

Muitas pessoas aplicam a emulsão fotossensível em placas de circuito impresso (PCB) usando um pincel “comum” (o “orelha de boi” é recomendado neste caso), porém este processo é trabalhoso e nem sempre o resultado é o esperado.

Pesquisando na Internet descobri que algumas pessoas utilizam uma ventoinha (cooler) de computador e fixam a placa nela para então esparar a emulsão fotossensível de maneira mais uniforme. Este procedimento é semelhante ao utilizado para aplicar a resina em discos de silício para realizar a litografia, esta “aplicadora” de resina chama-se “spin coater”.

Hoje resolvi criar a minha versão de uma “spin coater” para espalhar a emulsão numa placa PCB.

Utilizei os seguinte componentes:

– Ventoinha: “DC BRUSHLESS FAN” Marca: Akasa Modelo: DFS802512M
– Porta CDs
– Cola super bonder gel

Comece removendo o pino central do porta CDs, para isso gire varias vezes a ponta de uma faca sobre o furo deste pino que fica embaixo do porta CDs. Após desbastar várias vezes o furo do pino, este se soltará com facilidade.

Usando um alicate de corte, corte todas as hélices da ventoinha, isto evitará que ela gere vento e faça bagunça quando você for aplicar a emulsão sobre a placa de circuito impresso.

Tire o selo que está embaixo da ventoinha, lixe com uma lixa fina (ex. #220) para remover a cola do adesivo que possa ter ficar e para dar mais aderência. Também fixe a parte superior onde o pino do porta copos estava. Aplique a cola super bonder gel sobre esta área de porta CDs e coloque a ventoinha sobre ela de maneira bem centralizada, use o furo do porta CDs como referência para ajustar.

Atualização: Há muito tempo não utilizo este processo… uso dry-film que é mais simples e não faz bagunça.

Programa para converter autotools do Linux para Makefiles do Android

Estava lendo o post “PulseAudio vs. AudioFlinger: Fight!” do Arun Raghavan e descobri algo muito interessante:

A empresa Collabora criou um programa, chamado androgenizer, que simplifica o porte de aplicações do Linux para o Android, convertendo os arquivos autotools em Makefiles padrões do Android.

Para baixar o androgenizer:
http://cgit.collabora.com/git/user/derek/androgenizer.git/

Ainda não testei, mas resolvi documentar este dica pois muito frequentemente temos que portar aplicações do Linux para o Android.