Day: February 1, 2008

Expandindo um notebook HP

Encontrar serial em notebook está se tornando um tarefa difícil, pois a maioria dos usuários não possuem mais dispositivos seriais.

Por outro lado quase todas as placas e dispositivos embarcados possuem portas seriais. A porta serial é utilizada como console para interação com o dispositivo. A vantagem de utilizar a serial deve-se a facilidade de sua inicialização, assim uma simples funcão pode ser implementada para enviar/receber caracteres através dela, possibilitando depuração e configuração de maneira rápida e fácil.

Você até pode utilizar outras interfaces como console, por exemplo: 1) o kernel do Linux suporta console via rede, chamado de netconsole (Documentation/networking/netconsole.txt), mas fazer um driver que inicialize uma placa de rede é muito mais complexo e trabalhoso; 2) a porta USBv2 (EHCI) possui um modo chamado modo debug que pode ser inicializado com poucas instruções, porém é necessário um cabo especial (cabo bridge) para conseguir comunicar com o dispositivo ( http://www.coreboot.org/EHCI_Debug_Port ).

Outro recurso, que embora esteja se tornando comum, pode estar ausente em alguns notebook é o bluetooth. Neste caso uma solução seria usar um Bluetooth Dongle Key ou comprar uma placa mini PCIe caso seu notebook tenha um slot deste tipo vazio.

Como eu não gosto de carregar conversor usb-serial e nem o bluetooth usb, resolvi colocar tudo dentro do notebook. A idéia surgiu ano passado quando vi este post: http://tnkgrl.wordpress.com/2007/11/20/modding-the-asus-701-eee/ , o cara havia descoberto uma porta USB na placa do EeePC, então eu imaginei que possivelmente encontraria uma dessas no meu notebook também.

Mas recentemente um norueguês teve uma idéia mais simples ( http://beta.ivancover.com/wiki/index.php/Eee_PC_Internal_Upgrades ), ele desconectou os resistores que estavam ligados ao D+ e D- do conector USB externo, ligou os sinais que chegavam nestes resistores a um HUB USB. Conseguiu assim ligar vários dispositivos e ainda ligou uma porta do HUB de volta ao conector origem, claro do lado onde seria a saída dos resistores (ligou direto no conector, pronto falei).

Eu usei uma solução ainda mais simples, ao invés de desoldar resistores SMDs da placa, cortei o cabo que levava o sinal USB à webcam do notebook, liguei a um HUB USB e a partir dele liguei a placa bluetooth, o conversor serial e a webcam. Ainda ficou sobrando uma porta no HUB, que estou pensando em ligar uma placa do cabo bridge USB que tenho.

Bom pessoal, as fotos vão demorar um pouco, como eu não tenho câmera fotográfica pedi ao meu amigo fred que tirasse fotos, ele tirou mas ainda não me enviou. Estou pensando em refazer o trabalho, usando fios mais finos e melhorando a qualidade, nada de fitas isolantes.

Valor do investimento (preço de mercado, desconsiderando se foi presente ou não):

* Bluetooth Dongle USB (marca Trusth): R$ 45,00
* Conversor USB-Serial (marca NovaComm): R$ 58,00
* HUB USB (marca Smart): R$ 36,00
Total: 139,00